Pesquisa - Experiências da compra de uma casa

Recentemente o blog SurveyMonkey fez uma pesquisa envolvendo 2.134 pessoas que haviam comprado ou vendido casas nos últimos dois anos para perguntar-lhes sobre as suas experiências.

Como as pessoas estão comprando casas? Por que elas estão comprando? Como está mudando o mercado com a adição de variáveis como a tecnologia? Estas foram algumas das perguntas da pesquisa.

Confira abaixo alguns dados interessantes revelados pelo estudo:

1) Você pode não pensar em imóveis quando você pensa em tecnologia, mas a pesquisa revelou que 21% dos entrevistados disseram que fizeram uma oferta em uma casa sem nunca tê-la visto pessoalmente. Isto é uma prova da proliferação de anúncios online, aplicativos de imóveis imobiliários, e demais tecnologias como os scans 3D que levam o cliente para dentro da casa, mostrando todas os seus cômodos, com o intuito da venda online.

A tendência foi ainda mais comum na geração do milênio (correspondente àqueles de idade entre 18 e 34 anos) onde 30% disseram que fizeram uma oferta sem verem a casa pessoalmente. Ainda mais surpreendente foi que 53% dos compradores que pagaram mais de $ 750.000 no seu imóvel, fizeram a oferta sem terem visto a casa primeiro.

2)Para a surpresa de muitos, a pesquisa constatou que as prioridades dos compradores eram bairros com uma região acessível e segura, e com ótimas escolas. A geração do milênio estava entre os mais propensos a escolher um bairro com as melhores escolas.

3) Os compradores de casas que estavam comprando uma casa pela primeira vez tinham razões mais práticas para a compra de um imóvel. A pesquisa mostrou que 58% deles disseram que compraram uma casa para terem uma  sensação de estabilidade e permanência, e 43% disseram que compraram uma casa para ter um lugar seguro para investir o seu dinheiro e as suas riquezas.

4) Viver em um bairro acessível foi uma grande prioridade para a geração do milênio, mas não tão alta como era para os compradores de casas que compraram uma casa por US $ 250.000 ou menos. Sessenta e um por cento deste grupo citaram a acessibilidade como uma prioridade principal, enquanto 44% da geração do milênio o fez. 

E para você, o que é considerado essencial na hora da compra de um imóvel? Deixe o seu comentário aqui e conte para nós. 

fonte: https://www.surveymonkey.com/blog/2015/09/15/real-estate-trends-changing-industry/

 

Nos siga nas redes sociais: